O ex-presidente Lula em entrevista exclusiva á repórter Emídia Golpista, editora-chefe do Interrogações News em Brasília, declarou que é inocente da acusação que lhe faz o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, de ter entregue diretorias da Petrobras Distribuidora ao também ex-presidente Fernando Collor. Nega também que tenha nomeado o zoinho torto, Nestor Cerveró, para uma diretoria na mesma estatal.

Eis a declaração completa do  Lulinha à nossa repórter, Emídia Golpista:

“Cumpanheira” Golpista, eu nego veementemente que tenha nomeado quem quer que seja para qualquer diretoria na Petrobras Distribuidora.

Por dois motivos: não conheço essa empresa, só utilizo a Ipiranga para abastecer meu carro, que nem sei se é meu, acho que é da “cumpanheira”Marisa”, e nem conheço esse tal de Cerveró, aliás nem nunca vi esse cidadão com zói mais torto em minha vida!

E muito menos sei quem é esse tal senador Fernando sei lá de quê mesmo?! Nunca vi mais gordo! Dizem até que foi presidente do Brasil, mas antes de mim e muito pior que mim com toda certeza!

Isso tudo, “cumpanheira” Emídia Golpista, é um complô da mídia golpista, da elite branca- liderada por aquele negão afrodescendente ariano que nomeei para o STF, o Joaquim Barbosa, e que depois me traiu-, e do FHC, que morre de inveja de minha humilde pessoa, por não ter sido ele e sim eu, o nunca antes na história desse país o maior presidente de todos os tempos que o mundo já conheceu!

Bem, tudo esclarecido, vou ao Palácio Planalto dar umas ordens pra Dilma, o poste mais teimoso que já vi na vida!

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s