A Confederação Brasileira de Futebol, vulgo CBF, formou uma casta de ladrões rotativos na Presidência da corrupta entidade: um presidente renuncia, entra outro, que rouba uns meses e dá lugar ao próximo ladrão da fila- e assim sucessivamente.

Os três últimos presidentes da entidade (Ricardo Teixeira, José Maria Marin e Marco Polo del Nero, que acaba de se afastar do cargo) estão sendo processados por corrupção pela Justiça dos Estados Unidos, sendo que o Marin já está em cana por lá.
Até quando permitiremos coisas assim no Brasil?

Enquanto os ladrões roubam e nossos clubes estão falidos… Gol da Alemanha!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s